Edição de Fotografia em PC e Android

Este é mais outro tutorial para ajuste de fotografias, mas com uma diferença. Irei explicar o processo em simultâneo para PC e Android.

Escolhi uma fotografia de um local abandonado, pois é o tipo de imagem que tem um enorme potencial criativo para as vossas edições. Desde as mais simples, onde mexemos apenas na luz e contraste, até às mais complexas onde ajustamos as cores, o nível de brancos e negros, etc..

Para começar, deixo aqui a ligação para download gratuito do editor de fotografias que seleccionei para o Android, o Pixlr.

De referir ainda que, no PC, irei usar o Lightroom para editar uma fotografia no formato RAW, enquanto que no Pixlr, irei edit9ar a versão JPG da mesma fotografia.

A fotografia inical está muito básica, por isso vamos começar pelos ajustes principais. No Lightroom, no painel Basic, ajusto as Highlights e Shadows para valores mínimos e máximos, respectivamente. Para os Whites e Blacks, uso a seguinte técnica: com a tecla ALT premida, arrastamos com o botão esquerdo do rato para a esquerda e para a direita até visualizarmos as áreas a branco e a negro (para os whites e blacks, respectivamente).

Quando estas áreas começam a aparecer, a fotografia estará nos níveis mais optimizados de luminosidade. Para os níveis de negro, poderemos deixar aparecer um pouco mais para manter uma imagem mais forte. Experimentem e vejam como fica na vossa foto.

Depois dos ajustes, deverá ficar melhor.

E a transformação idêntica no nosso telemóvel? Vamos ao ícone no canto inferior direito, e escolhemos a opção Ajuste. Depois, é só deslizarmos no ecrã pelas diversas ferramentas: Realces, Temperatura, Sombras (e outras a vosso gosto).

Existem outros parâmetros que podemos e devemos ajustar, como é o caso da Temperatura. No Pixlr, o ajuste é manual. Arrastem um pouco o valor para a zona vermelha, mas muito pouco, para que a foto não fique tão fria (excepto se quiserem dar mesmo o ar frio na foto, podem deslizar para a área azul…).

No Lightroom, seleccionei o controlo de brancos para Daylight, mas façam o melhor ajuste e personalizem se necessário. Podem sempre usar o ícone da pipeta e apontar para uma zona que sabem ser neutra na foto, para o Lightroom corrigir. Aqui, aumentei também o Contrast para +10 para destacar bem os negros na floresta.

O passo seguinte foi adicionar uma moldura suave a toda a volta para direccionar a atenção do olhar para o centro da imagem. Efeito subtil mas resulta muito bem. E o efeito mais próximo no Pixlr? Usem a funcionalidade de Molduras e escolham uma que fique bem na vossa foto.

Temos outros ajustes como a Saturação e Vibração no menu Ajustes, a Nitidez e Moldura. Reparem que estes ajustes não foram feitos por nenhuma ordem específica, fica a vosso critério. Desde que façam pequenos incrementos de cada vez, podem sempre voltar ao mesmo ajuste para um melhor controlo. O ideal será fazerem cada efeito de uma só vez, pois estamos a trabalhar com uma foto no formato JPG. Para mais informações sobre este tema, vejam o meu guia RAW vs JPG.

Estamos com a fotografia quase pronta, mas ainda quero fazer um ajuste importante nesta imagem. Se repararem com atenção, existe uma placa imobiliária colocada numa janela com informações sensíveis (nome da empresa e contacto). A fotografia tem tanta resolução que basta um zoom para lermos bem os dígitos. Vou tornar a janela escura.

No Lightroom, com a última ferramenta do lado direito, Adjustment Brush (K), e seleccionamos o template Burn (Darken). Vou activar a opção Show Selected Mask Overlay e pintar a área da janela. Uso o ALT + clique esquerdo para remover, clique simples para adicionar ao efeito. Quando estiver certinho, desligamos esta opção e já conseguimos ver o efeito. Ajustamos os parâmetros para ocultar tudo o que está dentro da janela. Exposure, Highlights, Shadows, Whites e Blacks, são todos reduzidos; o Contrast, aumentei um pouco. Antes de exportar a fotografia, vou à secção Tone Curve e escolho um dos templates, Strong Contrast, para dar ainda mais vida à imagem.

Depois exportamos a fotografia. O processo de ajuste na janela através do Pixlr é possível, mas dada a dimensão reduzida do ecrã e o pouco rigor controlado pelos dedos, não vou fazer essa parte. Explorem a app e a função caso queiram experimentar… É o ícone dos pincéis.

Depois de exportarmos as imagens, estes são os resultados. Podia ter gerado uma imagem com mais luminosidade pela app, mas lembrem-se que estava a editar uma foto no formato JPG, que não me permitia realçar tanto as áreas mais claras (reparem no detalhe no céu). Ainda assim, melhorou bastante comparando com a imagem inicial.

Façam as vossas experiências, comentem, partilhem, e mexam nessas fotos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *