2. TPF ou pago?

O que acontece a seguir, só vai depender da combinação de fotógrafo e modelo. Querem ambos uma sessão para o portfólio? É o fotógrafo que precisa da modelo ou esta que precisa do primeiro? Cheguem a acordo sobre o tipo de sessão fotográfica, mas percebam o seguinte:

TPF (ou TFP / Time For Print / Tempo Por Fotos / Troca):

Não significa propriamente uma sessão gratuita, mas sim um ensaio cujas fotografias (todas ou uma selecção das melhores) serão fornecidas aos modelos pelo fotógrafo como forma de pagamento. Apesar de não haver um pagamento sob a forma monetária, deverá haver uma combinação prévia entre os participantes (fotógrafo, modelo, makeup artist) para dividirem os custos da deslocação e outros gastos. Em três pessoas, se apenas uma levar viatura, é justo ajudarem quem fornece o transporte. Afinal de contas, fotografias não pagam combustível nem portagem.

O fotógrafo paga:

Neste caso, quem fotografa precisa da experiência ou de alguma característica específica de determinada modelo para algum trabalho pontual. Se não puder optar por outra pessoa, paga à modelo pela sua colaboração e tempo.

A modelo paga:

Aqui, a modelo solicita ao fotógrafo um book fotográfico ou algum outro trabalho fotográfico que implique deslocação e gastos da parte do fotógrafo.

Organigrama Fotografia


1. Encontrar o modelo | 3. Make-Up

2 Comments Add yours

  1. Miguel Vidal Pinheiro diz:

    Marcio, uma correçao, um TPF TFP OU TFCD tempo por fotos en cd, nao é uma sessao gratuita nem para a modelo nem para o fotografo, na pratica deveria ser uma sessao de custos compartidos, mas as pseudo modelos acham que o fotografo deve assumir os custos, e na pratica é isso que costuma acontecer, muito por culpa dos fotografos sem noçao do que é na realidade um trabalho desses.
    O que acaba por acontecer é que as meninas ou meninos a fotografar, quando topam com um Fotografo e este lhes diz que aceita o TPF e lhes diz que a sessao tem um determinado custo, estes se recusam a fazer porque ha quem o faça e assuma o custo de tudo.
    Por custos compartidos refiro me a contrataçao de maquilhadores, cableireiros locais para sessoes ou deslocaçoes e refeiçoes, entre outros.

    1. Acabei de corrigir, obrigado! Na prática, era o que eu queria dizer, só que não expliquei bem. O termo “gratuito” aqui apenas se referia à inexistência de ganhos monetários para o fotógrafo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *